A Voz do Povo

Anuncie Aqui

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Briga de vereadores



Cenas como essas de luta livre entre vereadores parece ser bem comum é o verdadeiro mal exemplo e com certeza não serão punidos!
São essas pessoas que o eleitor elege são essas pessoas que representa o povo brasileiro, sem compromisso em mostrar um desempenho de seu trabalho eles partem para acusações, xingamentos e por fim um verdadeiro show de pancada.
Enquanto isso a saúde anda de mal a pior o Sistema Único de Saúde (SUS) é o plano de saúde que atende a todos os brasileiros. Ele é mantido pelo governo federal e deveria garantir saúde pública e gratuita para toda a população. Infelizmente, não é isso que acontece.
Ao longo de muitos anos, o atendimento de saúde do brasileiro vem sendo deixado de lado, pelos governos que se sucedem. Isso por que a maior parte do orçamento do governo federal é remetida ao pagamento da dívida externa, o que inviabiliza investimentos em áreas sociais. O resultado é o sucateamento das unidades de saúde públicas e equipamentos, falta de medicamentos, desvalorização e número reduzido de profissionais, além da má gestão do sistema.
Com a ausência do Estado a saúde torna-se lucrativa para o setor privado, que investe na indústria farmacêutica, em hospitais particulares e em planos de saúde cada vez mais caros. Forma-se um círculo onde os empresários da saúde financiam campanhas de políticos que trabalharão ainda mais pela destruição do sistema público.
O primeiro passo para reagir a essa situação é conhecermos nossos direitos. Porém, isso não é o suficiente e é necessário se organizar – tanto os trabalhadores da área como os pacientes e população em geral – para exigir a melhoria dos serviços. Em 2010 o Jornal a Voz do Povo (Projeto Cine Brasilandia) confeccionou uma cartilha com orientações sobre o sistema de saúde. Ela é importante instrumento de conhecimento e cobrança dos direitos.
E o que a gente vê é dois Cães rosnando um com o outro e se pegando a tapas e fazendo um bando de Ienas (Adversários) sorrir.
A educação nesse país é uma verdadeira piada o poder publico empurra com a barriga numa forma de manter cada vez mais o aluno que supostamente aprende alienado (Burro) e evitar que esse aluno no futuro seja mais que cobra explicações do governo.
Brasil, um sonho intenso, um raio vívido só na letra que vivido por que na real o que encontramos de maracuta Brasil, um sonho intenso, desejaríamos que fosse um sonho mesmo, pois já cansamos de ver o penhor da desigualdade desafiando o nosso peito ate a morte.
O aluno finge que aprende e o professor finge que ensina e o que ambos aprendem é ver cenas como esses dois lutadores elegidos pelo povo a se enfrentarem de forma vergonhosa, eles estão no lugar errado deveriam estar no ringue ao invés na política.
Veja o vídeo e sinta-se em um Ring
Jair Ribeiro (Juquinha)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Veja os Telefones Uteis Clicando aqui

Cantinho do Leitor